.container .footer .footer { font-size: 12px; } .container .footer .footer { font-size: 12pt; } .container .footer .footer { font-size: 12px; } .container .footer .footer { color: #FFF; }

 

PCL

 

Vitória Madrilenha no Duelo de Titãs

 

Na tarde desta terça- feira, tivemos mais um encontro histórico entre os dois maiores vencedores da história da Liga dos Campeões: Real Madrid x Milan. Juntos, o clube espanhol e o italino, possuem 16 títulos da Liga dos Campeões (9 títulos para o Real Madrid e outros 7 para o Milan), além de possuírem um invejável elenco repleto de craques que jogariam em qualquer clube e seleção do mundo.

O clube merengue possui em seu elenco nada menos que o craque, já eleito melhor do mundo, Cristiano Ronaldo; o goleiro Casillas; o alemão Ozil, umas das revelações da Copa do Mundo; os argentinos Di María e Higuaín, dentre outros craques como o brasileiro Kaká, que está machucado faz um bom tempo.

Por sua vez, o clube rossonero não fica atrás. Conta em seu plantel com os brasileiros Ronaldinho Gaúcho, Alexandre Pato, Thiago Silva, que não jogou por estar machucado, e o atual reserva Robinho. Grandes jogadores como Ibrahimovic, Seedorf e o "cão de guarda" Gattuso, fazem parte do forte grupo.

O jogo foi realizado no lotado estádio Santiago Bernabeu, casa do Real Madrid, pela terceira rodada do grupo G da Copa dos Campeões. O técnico da seleção brasileira, que lá estava para assistir ao show de Ronaldinho Gaúcho, Pato e Cia, viu uma belíssima atuação do português Cristiano Ronaldo, Ozil e do lateral brasileiro Marcelo, na incontestável vitória por dois a zero do Real Madrid sobre o apático Milan.

O jogo

Os galáticos iniciaram o jogo de uma forma arrasadora, com perfeita formação tática e pressionando o seu adversário. Prova disto foi que aos quinze minutos do primeiro tempo o placar já estava 2x0 para o time do Real Madrid. Aos treze minutos do primeiro tempo, Cristiano Ronaldo bateu uma falta e, após a barreira abrir, a bola entrou no canto do goleiro. O Milan mal tinha se recuperado do primeiro gol, e, num contra ataque fulminante, Ozil chutou a bola para o gol que desviou em Bonero, enganando novamente o goleiro. O time italiano estava completamente perdido e desconcentrado em campo, sendo facilmente envolvido pelo ataque madrilenho. O primeiro ataque milanês aconteceu apenas na parte final do primeiro tempo com uma cobrança de falta cobrada por Pirlo, vindo a acertar a trave do goleiro Casillas. Ronaldinho Gaúcho e Alexandre Pato não tiveram uma boa atuação, muito pelo contrário, estavam apagados, sendo como único destaque uma bela jogada do ex melhor do mundo Ronaldinho Gaúcho que deixou o holandês Seedorf de frente ao gol. Já no segundo tempo, com o placar na mão e com mais tranquilidade, o Real Madrid perdeu excelentes chances de marcar e, consequentemente, golerar o seu rival. No meio do segundo tempo, Ronaldinho Gaúcho foi trocado pelo atacante Robinho (muito vaiado pela torcida do seu antigo clube) que não teve grandes oportunidades para tentar o empate. Mano Menezes não assistiu a uma má atuação de todos os brasileiros, haja vista que o prestigiado lateral Marcelo do Real Madrid teve uma boa atuação.

 

No duelo dos "Ronaldos", venceu o português e, desta forma, o Real continua com 100% de aproveitamento e se isola ainda mais na liderança do grupo G com 9 pontos em três jogos. Com a derrota, o time italiano divide a segunda colocação com o Ajax, ambos com 4 pontos. No dia 3 de novembro teremos novo espetáculo que será apresentado por esses dois grandes clubes, só que dessa vez o palco será em Milão, no famoso estádio San Siro, pois o show tem que continuar!

_________________________________

Informações para a Imprensa:

 

Fábio é advogado do escritório FRANCO DE CAMARGO – Advogados Associados, pós graduado em Direito do Trabalho e atuante nas áreas de Direito Empresarial, Cível e Trabalhista.

www.francodecamargo.com.br

tel:(19)3383-3279

e-mail: F

fabio@francodecamargo.com.br